segunda-feira, 21 de março de 2011

Cara, como você é burro! E eu também...

Calma, calma, não me xingue ainda.














Observe esta foto. Bonita né? (ironia)
Eu tinha uns 20 anos na ocasião.
Sabe o que eu estava fazendo em Brasília?
Vendendo camisetas na UnB como camelô.
Eu era poeta, escrevia coisas lindas e ia ficar rico vendendo camisetas com poesia. Se prestar atenção na foto (tem que clicar nela) dá até pra ler uma das minhas obras primas.
Foi uma época legal. Viajei e conheci muita gente, mas francamente né...
Com a desculpa de correr atrás dos sonhos acabei fazendo muita besteira na minha vida, sofrendo desnecessariamente por culpa de uma burrice e teimosia retumbantes.
Acredito nos sonhos sim!
Acho fundamental sonhar.
O problema é a gente achar que só nós estamos certos e o resto do mundo errado, como se a nossa opinião fosse a única que importasse.
Prepotência!
A gente erra e erra pra caramba...

A maior parte dos leitores deste blog são jovens universitários ou vestibulandos, idade ideal pra ser burro como eu fui.
O lance é que não fui só eu que deu cabeçadas, acredito que seus pais e avôs também contribuíram de alguma forma para o aquecimento da burrice global em alguma época de suas vidas.
Mas qual o objetivo deste post?
O objetivo é dizer: NÃO SEJA BURRO E SOFRA MENOS!!!!
É difícil admitir que estamos errados.
Quer uma frase comum entre os jovens? "Deixe eu viver minha vida!" ou "Todo mundo se intromete na minha vida!"
Acredite, por incrível que pareça seu pai não nasceu velho e sua mãe não foi sempre tão careta.
Talvez possa haver uma defasagem tecnológica entre vocês, mas saiba que muitas e muitas vezes eles estão corretos em seus conceitos e nos conselhos que te dão.
Pena que você não escuta...
Cara, como você é burro! Hahaha
Paciência, um dia a gente aprende.

E esta história é velha né. Seus pais também passaram por isso que você passa hoje.
Olha o que eles ouviam e se identificavam.


Linda música, mas eu prefiro Legião Urbana.
Ah, você é um leitor que não se identifica com nada que eu escrevi neste post até agora?
Mil perdões!
Então pra não perder a viagem assista este vídeo aqui.
Beijos e abraços aos melhores leitores do Brasil!!!!
Um abraço também aos novos amigos portugueses que frequentam assiduamente o blog!

Siga-me no Twitter @profteteu








3 comentários:

  1. Olha o jovem poeta aventureiro Tetéu de bermuda em Brasília!
    Acho que você devia fazer um livro com seus poemas e publicar, Tetéu, reviver os sonhos de adolescência. E como nossos pais é uma música linda por demais da conta xD
    Resta ter certeza de quando a gente tá sendo burro, né .-.
    Bom post!

    ResponderExcluir
  2. Maria Julia (formada no Einstein em 2010)22 de abril de 2011 12:43

    Tetéu!!! To aqui fazendo um trabalho sobre interferência sonora e lembrei de você! Que saudade da sua aula! (E que bom que eu tive suas aulas, consegui ir bem na primeira prova de acústica yay)
    Bem, preciso ir. Esses batimentos e diapasões não vão pro papel sozinhos...

    ResponderExcluir
  3. Fala, professor... tudo bem?
    olha só... não sei se te apetece mas: "...encontram-se abertas, até o dia 20 de junho de 2011, as inscrições para a seleção de professores de Física do Ensino Médio para participarem da Escola de Física em língua portuguesa no CERN, Genebra, no período de 4 a 9 de setembro de 2011." para professores da rede pública e tbm particulares... mais informações no site da SBF: "www.sbfisica.org.br/ensino/EscoladeFisicaCERN". Adorei o blog! Forte abraço! Matheus Alvarez

    ResponderExcluir

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Professor de Física, Blogueiro, coordenador de Ensino Médio e Cursinho. Adoro imagens e vídeos.